LAR
         

Notícias

 

20/04/2018 - Nota de Esclarecimento - Suspensão União Europeia

13/04/2018 - Lar entrega micro-ônibus para APAE de Medianeira

12/04/2018 - Conexão Mulheres reuniu 470 cooperadas em Medianeira

28/03/2018 - Lar Cooperativa realiza entrega de Jeep Compass 0km

22/03/2018 - Lar comemora 54 anos de fundação com sorteio de Jeep Compass 0 km

07/03/2018 - EM BRASÍLIA: Lideranças cooperativistas têm audiência com presidente da República

23/02/2018 - Lar Cooperativa forma 2ª turma no Programa de Certificação de Conselheiros

05/02/2018 - SANTA TEREZINHA: Unidade promove Dia de Campo

01/02/2018 - AGRONEGÓCIO EM ALTA: Dia de Campo em Maracaju - MS mostra potencial produtivo

30/01/2018 - AGO: Lar cresce 4,82% e faturamento chega aos R$ 5,06 bilhões


Anterior | Próximo

1

 

AGRONEGÓCIO EM ALTA: Dia de Campo em Maracaju - MS mostra potencial produtivo

  01/02/2018

    Precisamente 146 pessoas, entre produtores rurais, equipe técnica da Lar Cooperativa e representantes de 11 empresas fornecedoras de insumos compareceram à Fazenda Noroeste, na manhã de sábado, dia 27 de janeiro, para conhecer o potencial produtivo de 16 variedades de soja. “A meta é que nossos associados produzam a 80 sacas de soja por hectare, em média”, disse o gerente da Unidade, Ederson Mariano, na abertura do evento. Para receber o aumento constante da produção de grãos, Lar está fazendo grandes investimentos nas estruturas de armazenagem. A capacidade de estocagem de grãos em Maracaju beira a 4,5 milhões de sacas de 60 quilos.

    Os jovens agrônomos capricharam nas estações de apresentação dos cultivares e os produtores ficaram entusiasmados com o que viram para consolidação do agronegócio. “Cada estação mostrava parcelas de soja com excelente formação, bom sistema radicular e vagens até a ponteira”, declarou Luiz Mori, 56 anos, gaúcho de Ijuí, um dos mais antigos associados da Lar Cooperativa na Unidade de Maracaju e que cultiva uma área superior a 1.500 hectares. Igual pensamento foi compartilhado pelo produtor Rosalino Chaparini, 66 anos, que há 20 anos migrou de Santa Helena (PR) para ser um grande produtor de grãos em terras maracajuenses.

    Grandes lavouras

    O município de Maracaju é, segundo dados da Secretaria Estadual de Agricultura do MS, o maior produtor de soja do Estado. A área de plantio destinada a cultura da soja e, também do milho safrinha, é estimada em 260 mil hectares. Foi na chamada “marcha para o Oeste” que gaúchos e paranaenses, a partir da década de 1970, abriram o “cerrado” e formaram grandes fazendas. A Lar iniciou suas atividades no município em 2005, tem 276 produtores rurais associados e mais de 500 clientes que são atendidos por uma equipe de 105 funcionários.

    Empresas participantes:

    Arysta, Syngenta, Agrichem, Coodetec, Mosaic, Yara, Minorgan, Agroeste, Bayer, Nidera e Dow.

    (Assessoria da Lar)